Settings
Light Theme
Dark Theme
Podcast Cover

Ai Podes, Podes! É só querer!

  • Ignorar, pode ser solução? - EP#17 T3

    29 MAY 2024 · “A arte do conhecimento, é saber o que ignorar” Rumi No momento em que a Vida nos oferece um turbilhão de situações, forçando-nos a lidar com as nossas emoções, a reconhecermos as nossas fragilidades, e a apontar a descoberta da nossa verdadeira natureza como solução, esta frase faz todo o sentido. Todos nós estamos a ser pressionados, as nossas emoções estão ao rubro tornando fácil dizermos uma palavra inapropriada, uma palavra cheia de raiva, de frustração, de tristeza, uma palavra que depois de proferida, não pode ser apagada, não pode ser retirada. Se para nós, pedimos ao outro que nos desculpe, porque não oferecer ao outro a tolerância e a generosidade de ignorar um momento de irracionalidade, um momento de explosão? E ao fazê-lo impedimos de nos intoxicar? Esta semana, deixo-vos com este pensamento: “A arte do conhecimento, é saber o que ignorar” - Rumi Bom episódio! Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/   Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    7m 55s
  • Ascensão da Terra, como contribuir? - EP#16 T3

    22 MAY 2024 · Todos nós experimentámos estados emocionais.   Dias em que nos sentimos mais tristes, melancólicos, pesados, parece que o mundo desabou em cima de nós.   Neste momento particular do planeta, estamos a vivenciar um movimento de elevação da sua vibração, aquilo que se costuma denominar de ascensão do planeta Terra.   Isto implica que todos os seres vivos da terra estão no mesmo “barco”, todos eles, sem exceção, necessitam de vibrar numa frequência mais elevada.   Para que este processo aconteça, há que libertar, deitar fora tudo o que possa trazer peso, densidade, conflito.   Sempre que há um conflito, por mais pequeno que seja, as nossas emoções e sentimentos são ativados, no entanto, por norma, não os processamos, em particular os que classificamos de más como tristeza, frustração, ressentimentos, raiva, vingança entre muitos outros.   Agora é hora de lidar com as emoções, as tirar da gaveta onde têm estado guardadas, entrar em contacto com elas, sem receios e libertar toda essa energia que tem estado aprisionada e a causar densidade.   Para facilitar esta subida, e nós mesmos, necessitamos de libertar o mestre que há em cada um de nós.   Sermos mais autênticos, mais naturais.   No final deixo uma reflexão: como cada um de nós pode contribuir para este processo sendo mais autentico e honesto para consigo?   Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/   Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    11m 55s
  • Falhanço e insucesso - EP#15 T3

    15 MAY 2024 · Temas como o falhanço, o insucesso, poucas vezes são abordados.  É como se nem existissem, como se no século XXI qualquer um deles não ocorresse em ninguém. Mas, será possível que todos nós, só experimentamos o sucesso?   É com o falhanço e o insucesso que todos nós crescemos, eles são o que eu chamo de “ginásio da mente e das emoções”, são eles que nos ensinam a lidar com a frustração, com a insegurança, com o desanimo.   Eles levam-nos na busca dos nossos recursos mais profundos, a ir ao encontro do nosso potencial interno e ir para além dos nossos medos, das limitações que a nossa mente nos possa contar.   Todos nós temos de lidar com eles, a história encantada que nos impingem de que tudo é fácil, que o sucesso á primeira é garantido, é uma das grandes mentiras em que muitos de nós acredita,   A resposta a uma experiência que falhou, a um sucesso que não tivemos pertence a cada um de nós.  Vamos abordar a experiência de uma outra forma, desenvolvendo a flexibilidade, a agilidade, os recursos mentais ou seguimos o medo e calamos a nossa voz interior?   Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    11m 29s
  • Como queremos contribuir para o mundo? - EP#14 T3

    8 MAY 2024 · Não temos poder para mudar a Vida, alterar os acontecimentos que ela nos trás, no entanto temos poder para escolher a resposta que damos a esses acontecimentos.   Quando acontece uma catástrofe natural, na comunidade envolvida diretamente, há quem se entregue ao sofrimento e quem apesar do sofrimento, escolhe ajudar a encontrar soluções, a resgatar, a cuidar.   Quem está no conforto da sua casa, muitas vezes nos antípodas, pode ver ou escutar as notícias e, porque somos vibração, iremos enviar energia (cientes ou não deste facto) que irão atuar no local devastado.   O que iremos alimentar? O desespero? A coragem que todos os envolvidos diretamente necessitam? Ou perpetuamos a separação?  Vai depender da escolha que fizemos. Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/   Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    10m 43s
  • A escrita como terapia - EP#13 T3

    1 MAY 2024 · Quem já usou a escrita como terapia?   Eu, faço-o!   Sempre que de alguma forma me sinto esmagada pelas emoções, com a cabeça a mil e sem descanso, pego num caderno, numa caneta e escrevo.   Não me importo se tem ou não virgulas, se há ou não erros de escrita ou gramaticais, o importante é “vomitar” para o papel toda a toxicidade emocional e mental que me possa estar a preencher naquele momento.   Ao início sai tudo a jorros, sem nexo e á medida que vou escrevendo, soltando reparo que as emoções e a mente ficam mais calmas, mais claras, não me incomodam.   As nossas ações refletem o estado emocional e mental em que nos encontramos.  Á medida que tudo fica mais nítido emocional e mentalmente, torna-se mais ter ações assertivas.   Muitas vezes não escrevemos devido á voz interna que reflete alguma critica que um professor, uma figura de autoridade nos possa ter feito em crianças e a partir da qual decidimos não mais escrever para não termos um encontro com a emoção que ficou presa nesse momento, vamos continuar a perpetuar essa voz? ou decidimos romper com ela?    Estes momentos de escrita não se destinam a escrever um livro, a ganhar um prémio, eles são a libertação das emoções (emoção é energia em movimento), do ruído mental e nesse sentido, são uma terapia simples e eficaz.     Bom episódio e boas escritas!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    6m 27s
  • Há falta de tempo? - EP#12 T3

    24 APR 2024 · Tem a sensação de que o tempo não chega? Estamos em sexta-feira e nem nos apercebemos de que já estamos no final da semana e há tanto para fazer… Esta sensação tem a ver com a disposição dos astros no cosmos e também pelo convite que o Universo está a fazer a cada um de nós, para analisar o que andamos a fazer. Priorizamo-nos?  Ou priorizamos o outro? E dentro das prioridades consideramos o realmente importante? Ou não? É uma reflexão! Nessa reflexão, tomamos consciência da posição que tomamos no seio da nossa família, no leque de amigos, no trabalho? Nos círculos onde nos movimentamos, será que nos priorizamos? Ou priorizamos o outro? Ao priorizar os outros e nos deixarmos ficar no final da cadeia, que energia trazemos nós ao outro ou ao grupo? Não tendo tempo para nós, que qualidade de tempo estamos nós a partilhar com o outro? Bom episódio! Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    9m 10s
  • Reconhecer o pirata - EP#11 T3

    17 APR 2024 · Esta é uma partilha sobre o resultado do programa sobre piratas do qual participei.   O pirata é alguém que se sente a mais num determinado sistema, que busca um tesouro e vive de forma livre a sua vida.   Todos nós temos um pirata que vive dentro de nós, raramente lhe damos voz, e essa foi uma das constatações que fiz neste workshop.   Sempre que me sinto presa, que tenho de fazer aquilo que me é dito, o pirata dentro de mim acorda, revolta-se e depois de algumas rebeliões, acaba por sair da estrutura onde está inserido e liberta-se para procurar o tesouro que é a conexão com minha essência.   Nessa conexão recebo Paz, criatividade, força interior para expressar com total liberdade o pirata que há em mim.   Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    12m 39s
  • Partilha - EP#10 T3

    10 APR 2024 · Num dia em que estou mais emocional, gravo o podcast e partilho ou deixo a gravação para outro dia ou momento? Foi esta a dúvida que tive ao gravar este episódio.  Tomei a decisão de partilhar, pois todos nós temos esses momentos e não sou diferente. Estes momentos mais emocionais, vejo-os como dádivas que nos ajudam a conhecer o ser humano que somos, a reconhecer que somos todos iguais e que todas as energias são necessárias para a nossa evolução. Este é um episódio de partilha do estado de espírito em que me encontrava e á medida que fui partilhando, fui ficando menos emocional e mais conectada.   Deixando-nos ir, vamos processando as emoções e aos poucos vamos encontrando o equilíbrio.   Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    10m 44s
  • Que escolha fazemos ? - EP#9 T3

    2 APR 2024 · I have a dream!   Ficou memorável no discurso de Martin Luther King. Ele escreveu o discurso em 4 ou 5 páginas, a determinado momento do discurso, ele coloca as folhas de lado e deixa-se ir partilhando o seu sonho, o que sente no seu âmago.  A partir desse momento, o seu discurso toma toda uma outra dimensão, e ainda hoje acorda em todos nós a vontade de seguir o sonho que há em todos nós. Todos nós temos tendência para esconder e tapar essa parte nossa, numa tentativa frustrada de controlar, de sermos perfeitos deixamos que a mente nos guie. No entanto é quando abrimos o coração, quando nos permitimos partilhar o que vai na nossa alma (como diz o povo) que tocamos o outro. O momento que toda a humanidade vive agora é um convite, da própria Vida, a partilharmos quem somos ao nível do âmago, da essência, espírito, alma (conforme lhe queiramos chamar) e por isso surgem desafios cada vez maiores convidando-nos a libertar das máscaras que desenvolvemos para nos adaptarmos ao meio ambiente onde vivemos e a descobrirmos a parte que verdadeiramente somos. Por outro lado, há resistência a libertar e assistimos a um controle através da normalização dos comportamentos, da forma de pensar. Que escolha fazemos?  Mantemo-nos no controle das emoções e comportamentos ou abrimo-nos a essa parte nossa tão desconhecida? Bom episódio!   Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    6m 9s
  • Carreria vs Chamamento- EP#8 T3

    27 MAR 2024 · Carreira/Chamamento, são a mesma coisa? Há diferenças?  Quais? A carreira tem um alvo a atingir, um percurso definido por uma sequência de objetivos. O chamamento, não sabemos explicar, somos impelidos a fazer. A carreira nasce a partir do ego, o chamamento brota a partir do nosso coração. A carreira é fria, calculista, tem sempre a necessidade de sermos visto, valorizados, reconhecidos e muito bem recompensados financeiramente. O chamamento é quente, parte do coração, não há um objetivo claro a atingir, há tão somente seguir o coração. Muitas vezes quem segue uma carreira, encontra-se em situações de vazio, um vazio interior que não sabe explicar, no entanto, por mais que faça ele não desaparece. No chamamento pode haver momentos de desânimo, que rapidamente são ultrapassados e a fé e a coragem regressam. A carreira é temporal, o chamamento intemporal. Todos nós conseguimos distinguir quem desempenha a sua função por querer ter uma carreira em determinada área ou quem a desempenha por ser chamado a fazê-lo. Os primeiros são frios e calculistas, com pouca empatia, os segundos olham para nós, vêem-nos, sentem-nos e criam laços. Qual deles o melhor?  Não há melhor nem pior.  Necessitamos de ambos. O ideal será combinar os dois, colocar a mente ao serviço do coração. Caro ouvinte, tem uma carreira? Segue um chamamento?  Combina os dois? Deixe o seu comentário! Bom episódio! Saibam mais de mim em: https://anaritabandeirademelo.pt/ Podem ver vídeos e fazer meditações no canal de YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw
    8m 7s

Neste podcast pretendo inspirar-te a descobrires quem verdadeiramente és e ires além do que acreditaste ser possível para ti, além dos rótulos que te colocaram, além dos teus medos e...

show more
Neste podcast pretendo inspirar-te a descobrires quem verdadeiramente és e ires além do que acreditaste ser possível para ti, além dos rótulos que te colocaram, além dos teus medos e receios e a descobrires todas as tuas capacidades e talentos.

Sabes que: A ação é o antidoto da depressão, da tristeza, do vazio interior, da falta de autoestima?

Agindo saímos de uma posição de vítima para iniciarmos a nossa jornada de superação.

Agindo, transformamos a estagnação em motivação, motivados vamos ao encontro de soluções, conhecendo soluções partimos em direção ao nosso destino, encontrando o nosso destino, sentimo-nos preenchidos.

A cada quarta-feira tens um novo episódio e mensalmente uma conversa com alguém que te pode inspirar.

Descubra as minhas atividades no site: https://anaritabandeirademelo.pt/

Vá ao canal de Youtube https://www.youtube.com/channel/UCH8WMV9eIGni4ygfTs-xMgw e faça uma meditação comigo
show less
Contacts
Information

Looks like you don't have any active episode

Browse Spreaker Catalogue to discover great new content

Current

Looks like you don't have any episodes in your queue

Browse Spreaker Catalogue to discover great new content

Next Up

Episode Cover Episode Cover

It's so quiet here...

Time to discover new episodes!

Discover
Your Library
Search